Um homem acusado de estuprar mulheres internadas em um centro de reabilitação de Mosqueiro, distrito de Belém, foi preso pela Polícia Civil do Pará na manhã da última quarta-feira, 16. A ação é resultado da Operação Terapêutica.

Foi cumprido o mandado de prisão temporária contra Alex Sadala Mendes, que trabalhava como monitor no local quando cometeu os crimes.

A investigação começou após denúncias de que no centro de reabilitação mulheres eram mantidas em cárcere privado. Segundo o relato das vitimas, o Alex se aproveitava de sua condição hierárquica e da impossibilidade de reação das internadas e sem contato com familiares, para praticar o abuso sexual contra elas. 

Durante a operação, várias provas foram coletadas e a prisão foi decretada pelo Juiz local. Após a ação, o centro de reabilitação fechado.

Roma News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *