Reprodução/ PF

Na manhã de hoje à Polícia Federal no Estado do Pará, em conjunto com o Ministério Público do Trabalho da 8ª Região e a Delegacia Regional do Trabalho do Estado do Pará, deflagrou a operação RESGATE, para apurar denúncia de crime de redução análoga a trabalho escravo.

A ação teve origem em denúncia feita a Ouvidoria Nacional de Direito Humanos, informando de possível violação aos direitos humanos.

Quatro policiais federais, juntamente com auditores do trabalho e procuradores do trabalho, deram cumprimento a mandado judicial na cidade de Belém/PA.

Caso confirmada a hipótese criminal de redução análoga a trabalho escravo, o suspeito poderá ser responsabilizado com reclusão de até 8 anos.

Por: PF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *