A Polícia Federal prendeu duas pessoas e apreendeu cerca de uma tonelada de cocaína no Pará

Na manhã desta quarta-feira (6), a Polícia Federal prendeu duas pessoas e apreendeu cerca de uma tonelada de cocaína que estava enterrada em um sítio no município de Curuçá, nordeste paraense.

Um dos tabletes que continha droga chamou atenção por estar identificado com uma suástica nazista.

Suástica nazista na droga (foto: Polícia Federal)

Investigação

O início da investigação se deu após denúncia anônima recebida pela PF. Diligências policiais confirmaram que uma carga de entorpecente estava armazenada em um sítio naquele município. Com autorização judicial, equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e do Núcleo Especial de Polícia Marítima (Nepom) foram ao local, desenterraram a droga e prenderam duas pessoas em flagrante por tráfico de entorpecentes.

Cocaína em caminhonete (foto: Polícia Federal)

Os presos e o material apreendidos foram levados à Superintendência Regional da Polícia Federal em Belém, onde foram feitos os procedimentos de flagrante. A suástica é uma forma de identificar a origem da droga, que provavelmente seria enviada ao exterior.

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.