Crédito: Reprodução/Correio de Carajás

Uma adolescente de 16 anos de idade fugiu da casa de um pastor evangélico, na zona rural do município de Breu Branco, região sudeste do estado. A jovem pediu ajuda às autoridades. O acusado, identificado como Aureoma de Brito, de 66 anos, está preso no Centro de Recuperação Masculino de Tucuruí (CRMT) desde a última sexta-feira, 19.

Os detalhes do caso são mantidos em segredo de Justiça por se tratar de menor de 18 anos de idade. De acordo com a investigação, o pastor Mazinho Brito, como é conhecido o religioso, convenceu os pais que cuidaria da adolescente, ajudando nas tarefas domésticas e estudar para ter um futuro melhor. Outra promessa seria transformar a garota em uma missionária evangélica.

A adolescente contou que os primeiros dias foram tranquilos até que os abusos sexuais começaram. E para impedir que a vítima fugisse da moradia na zona rural, ela era obrigada a permanecer dentro de casa.  Ao ouvir dos policiais sobre sua prisão, o homem passou mal, foi encaminhado à unidade de saúde local e depois transferido para o presídio de Tucuruí. O caso segue em investigação.

Por: Correio de Carajás.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *