Crédito: Reprodução/Redes Sociais/WhatsApp

Nesta quinta-feira, 1, a ossada de uma criança que ainda não foi identificada, foi encontrada em uma mochila no município de Cametá, nordeste paraense. O corpo foi encontrado depois de uma denúncia que informava que uma mochila havia sido desenterrada no cemitério da cidade. Quando a polícia chegou no local, constatou que se tratava dos restos mortais de uma criança.

De acordo com a denúncia, um homem foi visto enterrando a bolsa dias atrás, porém a polícia informou que pelo estado do corpo, a morte aconteceu a mais tempo.

O homem que teria sido enterrando a mochila já foi identificado e está sendo procurado para prestar esclarecimentos sobre o caso.

A Polícia Civil acionou o Instituto Médico Legal (IML) de Abaetetuba. A equipe do IML afirmou que os ossos são bem antigos.

Assim, a polícia irá trabalhar com a possibilidade de se tratar de uma sepultura violada. O próximo passo é descobrir qual a finalidade da ação.

Por: Roma News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *