Crédito: Reprodução/Redes Sociais/WhatsApp

A morte do bebê da jovem que foi incendiada viva na última segunda-feira, 17, foi confirmada pela família da vítima, na tarde desta quarta-feira, 19. Ainda de acordo com a família da vítima, ela está em estado grave. Um homem, identificado como Mizael Braga Caldas, de 30 anos, é suspeito de jogar gasolina e atear fogo na companheira, que estava grávida de seis meses.  O caso ocorreu na Vila do Carmo, na cidade de Cametá, região nordeste do estado. 

Segundo informações, o casal vivia um relacionamento conturbado e as agressões eram constantes. O criminoso fugiu após o crime. Segundo as autoridades policiais, diligências já estão sendo realizadas com o objetivo de localizar e prender Mizael.

Relembre o caso 

Imagens que circulam na internet mostram uma mulher de 22 anos, com o corpo completamente queimado. A vítima foi encaminhada para o Hospital de Cametá, onde recebeu atendimento. O estado de saúde da vítima não foi informado. A polícia ainda realiza buscas para tentar prender o suspeito.

Por: Roma News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.