Segundo o Procon, consumidor deve procurar alternativas para fazer pagamentos (Foto: Elza Fiuza/ABr)
Segundo o Procon, consumidor deve procurar alternativas para fazer pagamentos (Foto: Elza Fiuza/ABr)
Segundo o Procon, consumidor deve procurar alternativas para fazer pagamentos (Foto: Elza Fiuza/ABr)

Se a greve dos bancários do Pará se confirmar, o consumidor deverá pagar normalmente as contas, buscando com o fornecedor uma alternativa para quitá-las caso não consiga fazê-lo pelo sistema bancário.

A orientação é do Procon, pois o entendimento é que a greve não inviabiliza a cobrança das contas.

Segundo a entidade, os consumidores devem entrar em contato com empresas e concessionárias de serviços e solicitar outras formas e locais para pagamento – e é indicado que o façam por e-mail ou com registro de protocolo do pedido.

A obrigação da empresa credora é de oferecer alternativas para que os pagamentos sejam efetuados.

A opção, em caso de as agências estarem fechadas, é pagar contas de consumo, tributos, boletos, entre outros títulos, por meio do internet banking, mobile banking ou nos caixas eletrônicos.

Há ainda a possibilidade de pagar os boletos em casas lotéricas, supermercados e agências dos Correios, quando as empresas tiverem convênio com esses locais.

DOL com informações da Folhapress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *