Reprodução/Redes Sociais

Lucas Hosmundo, de 13 anos, foi morto com um tiro acidental, disparado por um parente, na tarde de sábado, 25, no bairro Jardim União, em Marabá, sudeste do Pará.

De acordo com a Polícia Civil, um familiar da vítima limpava uma arma de fogo, do modelo espingarda, Lucas saía do imóvel do suspeito e foi atingido com o tiro fatal. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, porém o garoto não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Segundo o boletim de ocorrência, um homem identificado como “Romário”, primo de Lucas Hosmundo, manuseava a arma ao efetuar o disparo. O adolescente foi atingido no rosto e braço, não resistiu aos ferimentos e morreu. O acusado acionou o socorro médico e fugiu do local do crime.

Segundo as primeiras informações, a arma seria ilegal, pois o proprietário não tinha a documentação necessária nem a posse da espingarda. A 21ª Seccional Urbana autuou “Romário” por homicídio culposo, onde não há a intenção de matar. O suspeito está foragido. A Delegacia de Homicídios investiga o caso.  

Por: Portal Debate.

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.