Crédito: Divulgação/Correio de Carajás

No sábado, 1º, um tiro, supostamente acidental, de espingarda feito por João Paulo Lopes Valandro, acabou matando sua esposa, Jéssica Carolina Bandeira Silva, na chácara Sempre Verde, na Agrovila Nova Jerusalém, zona rural de Canaã dos Carajás, no sudeste paraense.

De acordo com informações do proprietário da chácara, Edmilson Rodrigues Silva, contou à Polícia Civil que João Paulo ficou desesperado, pois o tiro que atingiu a cabeça de Jéssica foi disparado acidentalmente, e chegou até mesmo pedir que tirassem sua vida por conta do incidente.

No momento em que a polícia chegou no local do acidente, João não se encontrava mais e ainda não foi localizado. A arma utilizada no caso foi encontrada no chão de um compartimento do imóvel ao lado.

Um inquérito foi aberto para determinar se Jéssica, de 20 anos, foi morta acidentalmente ou não, conforme foi pontuado por Edmilson.

Por: Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *