Diego fugiu por uma área de mata após cometer o crime (Reprodução)

A jovem Ingrid Silva de Sousa, de 18 anos, morreu nesta segunda-feira (28), após ser esfaqueada pelo próprio companheiro, identificado apenas pelo prenome Diego, na noite do último domingo (27), na comunidade São José, em Santarém, oeste paraense. A confirmação da morte foi divulgada pelo Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo (HMS), onde a vítima estava internada.

Segundo o relato de uma amiga da vítima, o casal, que estava junto há cerca de um ano, havia ido para um passeio no domingo, e à tarde, quando retornavam para casa, de ônibus, um colega de Ingrid a cumprimentou, o que teria despertado ciúmes em Diego.

Depois que eles chegaram em casa, houve uma discussão, e Diego teria começado a agredir a companheira, partindo pra cima dela com uma faca. Familiares relataram que ela foi golpeada ao menos seis vezes.

Mesmo ferida, Ingrid ainda conseguiu correr com o filho de nove meses no colo e foi pedir ajuda na casa de uma amiga. O assassino ainda tentou entrar na casa onde a vítima pediu socorro, mas como não abriram a porta, ele acabou fugindo para dentro de uma área de mata.

O hospital informou que Ingrid deu entrada naquela unidade ainda no domingo, em estado grave, devido aos ferimentos. Ela não resistiu e morreu no outro dia. Até a publicação desta reportagem, Diego ainda não havia sido localizado.

Quaisquer informações que possam ajudar na localização do suspeito podem e devem ser repassadas às autoridades policiais pelo Disque-Denúncia (181) ou Centro Integrado de Operações (190). Não é necessário se identificar e a ligação é gratuita.

Por: G1 Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *