Foto: Reprodução

Sandoval Ferreira dos Santos, de 47 anos, foi encontrado sobre uma moto e gravemente ferido, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu quando era transferida para o Hospital Regional de Tucuruí. O caso aconteceu na madrugada da última terça-feira (10), em Jacundá. Uma equipe de resgate atendeu a ocorrência e o caso é investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Jacundá.

Investigadores da Delegacia de Jacundá, foram ao local do crime e confirmaram a informação junto a moradores do Bairro José Rasteiro. De acordo com clientes que estavam em um bar, era por volta das 23h de segunda-feira (9), quando ouviram um barulho e ao saírem para ver do que se tratava, avistaram a vítima caída no chão e sua moto, uma Honda Biz, preta e sem placa, por cima de Sandoval.

Foto: Antonio Barroso

“Ao se aproximarem para tentar ajudá-lo perceberam que ele estava desacordado e que havia sido esfaqueado”, disse o delegado de Jacundá, Sérgio Máximo dos Santos, que está investigando o caso.

Ainda conforme explicou o policial, os moradores contaram que não perceberam a presença de outras pessoas próximo ao corpo. Acredita-se que a vítima tenha sido ferida em outro local e pilotou a moto até perder as forças e cair na rua.

Sandoval foi socorrido pela equipe de salvamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que o levou ao Hospital Municipal de Jacundá, onde foi atendido e diante do quadro de risco de morte a vítima teve autorização médica para ser transferida para o Hospital Regional de Tucuruí, que tem melhor estrutura para esse tipo de atendimento.

Acontece, porém, que Sandoval não resistiu aos ferimentos e faleceu nas proximidades da cidade de Goianésia do Pará, no início da madrugada de terça-feira. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Marabá. “As diligências para buscar o autor do crime seguem em andamento”, afirmou o delegado Sérgio Máximo. 

*Com informações Correio de Carajás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.