Foto: Divulgação

“Se você chegou do Rio de Janeiro, São Paulo ou Minas Gerais nas últimas duas semanas, favor entrar em contato com o departamento de Vigilância em Saúde: (94) 99119- 4385”. Esse apelo está sendo feito pela Secretaria de Saúde de Jacundá, desde a tarde de quarta-feira (18), a moradores e visitantes que cheguem à cidade. 

Em vídeo divulgado nesta quinta-feira (19), o enfermeiro Ailton Lima, do setor de vigilância, explicou que a situação do município de Jacundá continua com o mesmo status epidemiológico do dia anterior: “Não há nenhum caso confirmado de coronavírus e nenhum caso suspeito em Jacundá. Pode ser que a realidade mude, mas, por enquanto está tudo normal”.

Segundo ele, como medida preventiva, pessoas oriundas dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas, seja elas moradores da cidade de Jacundá ou não, “foram orientadas a ficar em regime de isolamento domiciliar”. O mesmo acontece com pessoas que estavam na Argentina e Paraguai.

“Isolamento domiciliar é uma medida de precaução adotada pelo protocolo do Ministério Saúde para evitar que uma pessoa que chegou de algum desses lugares, caso daqui a cinco, sete ou mais dias, tenha teste positivo para o coronavírus, não venha transmitir o vírus a outras pessoas,” explicou ele.

Um grupo de moradores de Jacundá que estiveram nesses estados está sendo monitorado e acompanhado por uma equipe da Secretaria de Saúde. Caso alguém apresente algum dos sintomas da Covid-19 – febre alta, tosse e falta de ar, ao mesmo tempo –, será tratado como suspeito. O material para exame é coletado e enviado para Belém, ao Laboratório Central ou ao Instituto Evandro Chagas. O resultado sai em 72 horas. 

Novo decreto

Em um novo decreto publicado nesta quinta-feira (19), o prefeito de Jacundá, Ismael Barbosa, adotou medidas mais severas para prevenir o coronavírus. Até o dia 31 de março ficam suspensos a expedição de licença para qualquer tipo de evento, seja público ou privado; atendimento presencial nos órgãos da administração municipal; e viagens de servidores públicos.Está proibida a realização de eventos em massa, sejam de caráter político, governamental, artístico, esportivo, cultural, comercial ou religioso, além da realização de feiras e reuniões. Também estão suspensas as atividades das academias e salões de beleza e estética. 

Fonte: Zé DUDU

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.