Foto/Divulgação

Na tarde de domingo (12), Rosivaldo Batista, foi golpeado por uma foice quando voltava para casa, e morreu ali mesmo no local.

COMO ACONTECEU

Rosivaldo estava em um bar com amigos, quando viu uma mulher sendo agredida e tentou defendê-la, pediu para o agressor parar, que continuou com as agressões, não suportando mais ver a situação Rosivaldo repreendeu o agressor que caiu no chão. Quando Rosivaldo se dirigia para sua casa foi surpreendido por um segundo indivíduo que tomou as dores do agressor e deferiu golpes de foice na cabeça e no peito de Rosivaldo que, morreu ali mesmo no local.

Em uma conversa com equipe do Tomé-Açu em foco teve com a família e amigos, “Valdo” era trabalhador e cuidava muito bem de sua família, deixou 6 filhos e era um bom vizinho, nascido em Tomé-Açu, morre mais uma vítima da covardia de um homem.

A Polícia Militar assim que informada esteve no local colhendo informações e partiu em diligência em busca do assassino, a polícia civil também foi acionada e realizou a remoção do corpo para o hospital da SESPA.

Por: Tomé-Açu em foco

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.