Os municípios paraenses de Marabá e Goianésia estão entre os primeiros municípios selecionados para receber o Cartão Reforma em 2018. A lista foi divulgada nesta terça (17) pelo Ministério das Cidades, através de portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Serão destinados R$ 178,5 milhões para reforma, expansão ou conclusão dos lares em bairros selecionados pelas prefeituras. Neste edital, foram contempladas localidades em 22 estados das cinco regiões: Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins.

No Pará, 550 famílias serão beneficiadas com investimento total de R$ 3.162.500,00. O maior número de famílias selecionadas para receber o Cartão Reforma este ano, são do Jardim Bela Vista, em Marabá. Segundo a portaria, são 400 famílias e recursos totais disponíveis de R$ 2,3 milhões.

Outras três propostas foram aprovadas em Goianésia do Pará, com valor de R$ 862,5 mil. Estão previstos o benefício do cartão reforma para 80 famílias no Polígono Santa Luzia; 40 famílias no Polígono Santo Amaro; e 30 famílias no Polígono Rio Verde.

O Cartão Reforma é concedido a moradores de determinados bairros definidos pela prefeitura para reforma das residências. A prioridade é atender famílias de renda mais baixa, com renda bruta de até R$ 2.811 e que só possuem um imóvel.

Uma vez cadastrada, a família poderá receber de R$ 2 mil a R$ 9 mil para comprar materiais de construção em lojas credenciadas pelo programa. A verba pode ser utilizada, por exemplo, para a construção de quarto ou banheiro, substituição de telhado, obras de saneamento e energia, finalização de reboco ou pintura, entre outros. O beneficiário fica responsável, porém, pelo custeio da mão de obra e de equipamentos. A residência do beneficiado deve estar em área regularizada.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Cleyton Rogério
Carregar mais em Goianésia do Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *