Foto: Via WhatsApp

Paulo Figueiredo de Jesus, de 34 anos de idade, foi morto a tiros na manhã deste sábado (14), às 6h, quando chegava ao local de trabalho, em Icoaraci. Ele trabalhava como vendedor na Feira da 8 de maio, há dois anos.

Entenda o caso

De acordo com informações de feirantes que estavam no local, um carro branco parou em frente ao ponto de vendas da vítima e uma pessoa chamou pelo seu nome. Assim que ele olhou, foi alvejado pelos disparos. Um tiro atingiu a cabeça de Paulo, que morreu ainda no local. 

A irmã da vítima, que não será identificada, disse não ter nenhuma suspeita sobre o que pode ter levado à morte do irmão. De acordo com ela, ele não tinha passagens pela polícia, envolvimento com crime e/ou dívidas. Ela afirmou que o irmão também não havia comentado sobre ameaças ou qualquer outro motivo que pudesse explicar o crime. 

O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) esteve no local e fez a remoção do corpo. A Divisão de Homicídios (DH) irá investigar o caso.

*Com informações O Liberal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.