Foto: Redes sociais/Reprodução NNC

Um corpo parcialmente carbonizado e decapitado foi encontrado na manhã desta quinta-feira (20/10) em Altamira, no sudoeste do Pará. A cabeça da vítima, que foi identificada como sendo Lucas Mateus, de 17 anos, estava próxima do corpo, com uma faca cravada na boca.

Segundo a polícia, há marcas que indicam que a vítima foi torturada de forma cruel. Lucas teve as mãos amarradas para trás, teria sido espancado e depois decapitado e queimado. O corpo estava próximo de uma cerca e foi encontrado por volta de 8h por um agricultor que passava pela estrada, no Ramal Cama de Vara, próximo ao antigo Centro de Recuperação da cidade.

Assim que viu o corpo, ele acionou a Polícia Militar. Segundo a PM, uma guarnição foi até o local e viu que o corpo estava decapitado e parcialmente carbonizado. A cabeça, que estava bem próximo ao corpo, tinha uma faca cravada na boca.

A guarnição informou o caso à Polícia Civil, que solicitou à Polícia Científica a realização de perícia e remoção do corpo. Uma equipe da Delegacia de Homicídios de Altamira fez os primeiros levantamentos e iniciou as investigações para tentar identificar a autoria e motivações do crime.

A vítima morava no Bairro Jardim Independente I.  A PC pede que quem tiver informações que possam ajudar a elucidar o crime pode repassar de forma anônima ao Disque Denúncia (181). A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone. Também é possível mandar fotos, vídeos, áudios e localização para a atendente virtual Iara, pelo WhatsApp (91) 98115-9181.

Por: Native News Carajás

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *