Foto: Reprodução

Em Prosseguimento ao seu programa de venda de ativos em áreas que não são mais prioritárias, a Petrobras informou que assinou na quinta-feira contrato de venda de sua participação de 50% na Belém Bioenergia Brasil (BBB), empresa produtora de óleo vegetal e biocombustível.

Novas receitas:governo espera receber R$ 13 bilhões de estatais

A fatia da estatal foi vendida por R$ 24,7 milhões para a Galp Bioenergy, que detém os outros 50% de participação na empresa criada em 2011.

A Galp é parceira da Petrobras na exploração em vários campos no pré-sal na Bacia de Santos.

Segundo a estatal, os R$ 24,7 milhões da operação serão retidos pela Galp até dezembro de 2020 para potenciais pagamentos de indenizações. O fechamento do negócio está sujeito ao cumprimento de condições precedentes usuais, tais como aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

DesinvestimentoPetrobras quer vender termelétricas em modelo parecido com o da privatização da BR

No primeiro semestre do ano, a Petrobras já obteve receita de US$ 15,1 bilhões com a venda de ativos. No próximo dia 16, a estatal vai receber as propostas dos potenciais compradores da Liquigás, subsidiária responsável pela distribuição de GLP (gás de botijão) no país, um negócio que o mercado estima ser da ordem de R$ 3 bilhões.

Com informações O Globo.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *