Bando mantém reféns em agência bancária de Ourilândia do Norte

Segue, na manhã desta quarta-feira, 11, em Ourilândia do Norte, o cerco policial à agência da Caixa Econômica Federal, onde uma quadrilha com armamento pesado, desde as primeiras horas na manhã, faz clientes e funcionários reféns.

Guarnições das polícias Civil e Militar, inclusive do Grupamento Tático, de Ourilândia e Tucumã estão no local, tentando negociar com o bando a liberação dos reféns e a rendição. Vários policiais estão em volta da agência, estrategicamente colocados e em posição de tiro.

Não se sabe ainda quantas pessoas fazem parte da quadrilha nem se há feridos dentro do banco. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também está de plantão no local, isolado pela polícia.

A Rodovia PA-279 está fechada por motivos de segurança, ninguém entra, ninguém sai da cidade. Filas extensas de carros já se formam dois lados da estrada.

(Com informações blog do João Carlos)

Você pode gostar de ver

Entenda a sua conta de energia da Celpa

Por meio do documento, a Celpa também deixa claro o valor que o cliente está pagando pela iluminação pública

Governo nega que tenha autorizado corte em salários de servidores públicos do Pará

A nota foi divulgada no início da noite desta quinta-feira (07).

Ministério Público do Pará condena inclusão de juízes e promotores em lei de “Abuso de Autoridade”

O Ministério Público do Pará soltou nota nesta manhã, 2, repudiando a…

21 cabeças de gado são roubadas de fazenda em Goianésia do Pará

Uma fazenda localizada na cidade de Goianésia do Pará, sudeste paraense, teve…