Foto; reprodução

Foi encontrado nesta quinta-feira (25) o corpo da jovem Adriana Miranda, de 21 anos, dentro de uma área de mata em Igarapé-Miri. Após ser morta a tiros por membros de uma facção criminosa, a vítima foi concretado no chão. 

VEJA TAMBÉM

Gravado pelos executores, a morte da jovem repercutiu. Nas imagens, a mulher aparece sendo interrogada sobre o paradeiro de Dieliton Rodrigues, o “Didi”, que aparece em uma imagem de celular identificada pela Polícia com uma arma. Após o interrogatório,  a vítima foi baleada à queima-roupa.

Adriana desapareceu no último sábado, dia 23 de março. Os vídeos com onde ela aparece sendo morta começaram a circular no início da semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *