O homem que estuprou durante quatros anos e engravidou a própria sobrinha, uma menina hoje com 10 anos  de idade, no Espírito Santo, se tornou réu pelo crime e pode pegar até 15 anos de prisão.

A denúncia foi aceita pela Justiça do Espírito Santo. O acusado, Romildo Hortêncio de Jesus, de 33 anos, está preso em Vila Velha (ES), desde que foi capturado na cidade de Betim, em Minas Gerais. Durante a fuga, ele ficou na casa de parentes. 

A criança interrompeu a gravidez de cinco meses e entrou para o programa de proteção do Governo. Ela e a família ganharam novo endereço e identidade.

Entenda

A menina sofria abusos sexuais cometidos pelo tio desde os seis anos de idade. A gravidez só foi descoberta após a criança se queixar de dores abdominais e ser levada a um hospital, onde foi constatada a gravidez.

Após a repercussão do caso, a menina ganhou na justiça o direito de realizar o aborto legal. O procedimento foi feito no dia 16 de agosto, em uma maternidade pública do Recife sob protestos de grupos católicos e evangélicos, liderados por parlamentares conservadores.

Por Dol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *