O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta quinta-feira, 10, a existência de um processo em andamento para que o Sistema Único de Saúde (SUS) passe a oferecer medicamentos feitos à base de canabidiol, um dos princípios ativos da Cannabis sativa, a planta popularmente conhecida como maconha.

“Nós temos um medicamento chamado canabidiol, e alguns outros que são similares estão em processo de regulamentação para fornecimento pelo SUS. Isso não é de hoje. Já é um processo antigo”, declarou Pazuello durante um evento do Ministério da Saúde.
“Nós deixamos claro que todos os medicamentos que tenham resultado e que mereçam ter esse tipo de ação, no SUS, no Ministério da Saúde, não há nenhuma restrição”, afirmou.

Os medicamentos à base de canabidiol são geralmente receitados para doenças como epilepsia, esclerose múltipla, mal de Alzheimer, mal de Parkinson, ansiedade, dor crônica, e outras.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou em abril deste ano, a comercialização em farmácias e drogarias do primeiro medicamento à base dessa substância.

No mês passado, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) determinou que os medicamentos à base do canabidiol e do tetraidrocanabinol (THC), que já estivessem registrados na Anvisa, fossem incluídos na lista de fármacos ofertados pelo SUS. De acordo com a declaração de Pazuello, a União vai cumprir a determinação.

Fonte: Globo.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *