Quatro pessoas foram presas neste sábado (31) suspeitos de integrarem uma quadrilha que aplicava golpes em idosos no interior do Pará. De acordo com a Polícia Civil, os mandados de prisão foram cumpridos no município de Primavera, no nordeste do estado. As investigações apontam que a quadrilha desviou mais de R$ 50 mil em trapaças.

De acordo com a polícia, os golpistas faziam amizade com as vítimas e pediam aparelhos celulares para acessarem os aplicativos bancários. Após solicitarem empréstimos instantâneos, pelo próprio software, os criminosos transferiam os valores solicitados aos bancos via Pix. Os idosos só ficavam sabendo quando iriam receber as aposentadorias, por conta do desconto em folha.

Até o momento, cinco pessoas que caíram no golpe foram identificadas nos municípios de Primavera, Quatipuru, São João de Pirabas e Salinópolis. O delegado Civil que investiga o caso acredita que outras pessoas possam ter sido enganadas pelos acusados.

Foram apreendidos celulares e equipamentos eletrônicos, bem como documentos. Todo o material será periciado. Os presos, após procedimentos cabíveis, foram encaminhados para presídios estaduais e estão à disposição da Justiça.

Por G1/PA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.