Reprodução/ PoderData360°: O ex-presidente Lula e o atual chefe do Executivo, Jair Bolsonaro

Pesquisa PoderData realizada de 3 a 5 de julho de 2022 mostra que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 35% dos votos entre aqueles que dizem se identificar como evangélicos. A taxa variou 7 pontos percentuais para cima em 15 dias, no limite da margem de erro (3,5 p.p., quando só os evangélicos são considerados).

Jair Bolsonaro (PL) ainda é o favorito neste segmento, com 47% das intenções de voto. Os demais pré-candidatos somam 9%, enquanto 7% dizem não saber e 2% pretendem votar em branco ou anular o voto.

Entre os católicos, o cenário se inverte: Lula tem 44% ante 37% de Bolsonaro. Há duas semanas, Bolsonaro tinha 32% e Lula, 48%.

A margem de erro da pesquisa é mais alta quando só se considera um subgrupo da população –como menos pessoas são consideradas, a precisão é menor. No caso de evangélicos, a margem é de 3,5 pontos percentuais. Com católicos, 2,6 pontos.

Para chegar a esses resultados o PoderData cruzou os dados das perguntas “se a eleição fosse hoje, em qual dos candidatos que vou falar em ordem alfabética você votaria?” e “com qual religião você mais se identifica?”.

A pesquisa foi realizada pelo PoderData, empresa do grupo Poder360 Jornalismo, com recursos próprios. Os dados foram coletados de 3 a 5 de julho de 2022, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 3.000 entrevistas em 317 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O intervalo de confiança é de 95%. O registro no TSE é BR-06550/2022.

Para chegar a 3.000 entrevistas que preencham proporcionalmente (conforme aparecem na sociedade) os grupos por sexo, idade, renda, escolaridade e localização geográfica, o PoderData faz dezenas de milhares de telefonemas. Muitas vezes, são mais de 100 mil ligações até que sejam encontrados os entrevistados que representem de forma fiel o conjunto da população.

Por: PoderData360°

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.