Madeira apreendida em operação em Tailândia (Foto: Glauco Araújo/G1)
Madeira apreendida em operação em Tailândia (Foto: Glauco Araújo/G1)
Madeira apreendida em operação em Tailândia (Foto: Glauco Araújo/G1)

A Operação Arco de Fogo já apreendeu cerca de R$ 6,5 milhões em madeira ilegal desde 25 de fevereiro deste ano, em Tailândia (PA). A ação contra o desmatamento ilegal é realizada pela Polícia Federal, pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e pela Força Nacional de Segurança.




O valor corresponde aos 16,4 mil m³ de madeira ilegal apreendida na região. De acordo com Bruno Versiani, coordenador do Ibama em Tailândia, o valor médio para cada m³ de madeira é de R$ 400. “É um valor de referência, seja para madeira em tora ou já beneficiada”, disse ele.

Segundo balanço divulgado pelo Governo paraense, outros 13 mil m³ de madeira ilegal  foram apreendidos na Operação Guardiões da Amazônia. Também foram destruídos 814 fornos usados por carvoarias.

Como a operação não tem data para acabar, o valor de madeira apreendida deve ultrapassar o de multas lavradas, que já passa de R$ 9 milhões, segundo informações do Ibama.

Durante as duas operações, cerca de 40 estabelecimentos foram vistoriados, entre madeireiras, carvoarias e propriedades de pessoas físicas (que desempenham atividade madeireira, mas não constituíam empresas). Dez foram interditados. No total, os fiscais emitiram 76 autos de infração e 61 termos de apreensão e depósito.

Os fiscais do Ibama também apreenderam dois tratores, uma pá carregadeira, dois caminhões, uma carreta, 22 motosserras, seis serras de fita, nove serras circulares e outros 30 equipamentos usados no beneficiamento da madeira. “É a primeira vez que fechamos e retiramos os equipamentos das serrarias”, disse Eleni Cunha, coordenadora de fiscalização da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) do Pará.

Leilão

A madeira está sendo levada para uma área do Governo estadual na região metropolitana de Belém e, após a conclusão do processo administrativo, será leiloada.  O local não é divulgado.

 

G1

Comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *