Reprodução/ Internet

O banqueiro Joseph Safra morreu nesta quinta-feira (10) aos 82 anos, em São Paulo. Segundo comunicado enviado pelo banco Safra, de causas naturais.

Safra nasceu em 1938 no Líbano e se mudou para o Brasil na década de 1960. Em 1969, casou-se com Vicky Sarfaty, com quem teve 4 filhos e 14 netos.

Sob o seu comando, o Banco Safra se tornou um dos maiores do país. Neste ano, Joseph ultrapassou Jorge Paulo Lemann e se tornou o brasileiro mais rico, segundo a revista Forbes. A publicação afirma que ele tinha uma fortuna estimada em R$ 119 bilhões.

A sinagoga Beit Yacov enviou um comunicado que a família participará de uma cerimônia às 11h e o sepultamento será no cemitério do Butantã às 13h.

“Sempre dizia ter muito orgulho da cidadania brasileira e de torcer pelo Corinthians. Ao longo da vida foi um amante das artes e um grande filantropo, sempre empenhado em manter a tradição de devoção a causas dignas, uma marca distintiva dele. Ajudou muitas pessoas e apoiou inúmeras causas sociais, religiosas e culturais, tais como a construção e reforma de hospitais, creches, museus e templos religiosos de todas as fés”, afirma a nota enviada pelo banco.

Por: FOLHAPRESS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *