Militares do Corpo de Bombeiros da cidade de Lucas do Rio Verde, localizada a 354 quilômetros de Cuiabá, no Mato Grosso, encontraram com vida, neste domingo (27), o menino Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, que estava desaparecido desde a última quinta-feira (24). Ele dormia com a mãe em uma chácara e sumiu em um curto período que ela deixou o cômodo.  

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar, Heitor Maciel foi achado sozinho em uma área de um aterro sanitário. O major Alex Queiroz da Silval afirmou que o garoto “está bem, consciente, apresenta algumas escoriações pelo corpo e apenas assaduras nas pernas”.

Cães farejadores foram usados no quarto dia de buscas, desde o início da manhã deste domingo (27), próximo à área onde Heitor foi encontrado logo depois. Uma pessoa ligou para o quartel dos bombeiros e disse que o garoto estava no antigo lixão da cidade.

“Por coincidência, era o local onde estávamos fazendo buscas pela manhã. Alguém estava com ele. Por estar quatro dias desaparecido, só tinha arranhões. Ele estava sem roupas”, disse o major.

Heitor Maciel dos Santos, de 2 anos, desapareceu em Lucas do Rio Verde — Foto: Arquivo pessoal

PARTICIPAÇÃO DE CÃO QUE ATUOU EM BRUMADINHO

Na manhã deste domingo, os bombeiros ampliaram a área da atuação e tiveram reforço nas buscas com o cão Luke, que participou do resgate de vítimas no soterramento da mineradora em Brumadinho (MG).

Na quinta-feira, Heitor foi visto próximo à casa da fazenda, às margens da rodovia MT-449 e perto da Fundação Rio Verde.

Os cães farejaram o trajeto da casa até a rodovia, mas não avançaram, o que indicaria que o menino teria, supostamente, seguido até a pista.

Segundo os bombeiros, uma pessoa que passou pelo local, no horário em que ocorreu o sumiço, relatou que viu a criança às margens da MT-449.

Os pais e o menino residem em Campo Novo dos Parecis e foram a Lucas do Rio Verde passar o Natal com a avó da criança.

DESAPARECIMENTO

Na quarta-feira (23) à tarde, por volta das 15h, na véspera de Natal, teria ocorrido uma queda de energia. O pai e mãe saíram para resolver o problema e, nesse breve período, a criança teria desaparecido.

A mãe disse aos policiais que dormia com a criança em uma cama e se levantou para ajudar o marido a trocar um disjuntor na residência. O casal guardou algumas ferramentas e, quando foram até o quarto, não encontraram a criança dormindo.

Eles procuraram pelo menino e o chamaram, mas ele não estava na casa e nem perto da chácara.

Diário Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *