Crédito: Reprodução

No último sábado, 26, Aparecida Silva de 55 anos, foi morta com um tiro no rosto no município de Quirinópolis, em Goiás, após uma briga com um vizinho

Segundo a Polícia Militar, Aparecida era dona de um bar e já tinha problemas com o suspeito do crime. “Ela estava na companhia de outras pessoas no local e o autor parou, ficou filmando, e isso começou a discussão. O filho foi conversar com o autor e a mãe dele acabou indo também”, explicou a delegada Camila Vieira, responsável pelo caso. 

Durante a discussão, o suspeito jogou uma lata de cerveja em Aparecida. Nesse momento, o filho da vítima de uma facada no homem, o qual pegou uma arma e tentou balear o jovem, mas acabou acertando a mãe.

Aparecida até chegou a ser socorrida para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos. A faca utilizada na agressão ao suspeito foi apreendida. Agora, o caso segue sob investigação da Polícia Civil. O suspeito autor do disparo ainda não foi localizado.

Por: Isto é

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.