Após causar revolta nas redes sociais por agredir com um tapa no rosto um pedinte. A diretoria executiva do PSL em Mato Grosso excluiu de suas fileiras, Adonias Correa Santana. Ele é secretário e tesoureiro do partido no município de Tabaporã (657km de Cuiabá).

O agressor também é madeireiro na cidade de Tabaporã. De acordo com a imprensa local e com o site JusBrasil, Adonias tem 22 processos em seu nome. Nas redes sociais, o homem é conhecido como ‘Tiririca’.

O vídeo, onde o agressor aparece desferindo o tapa no pedinte, foi publicado na internet na manhã de quinta-feira (9). As imagens mostram Adonias, dentro de um caro e conversando com um pedinte. Ele pergunta se o homem quer R$ 20 e quanto ele consegue ganhar na rua por dia. Logo depois, outro homem, que está filmando, fala para que o madeireiro dê mais R$ 5.

Com uma nota de R$ 5 na mão, Adonias pede para que o homem chegue mais perto. Neste momento, lhe dá um tapa no rosto, e diz: “vai trabalhar, vagabundo!”. O pedinte fica sem reação.

O vídeo foi compartilhado em diversas páginas de todo o Brasil, causando indignação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.