As ações do Grupo Mateus (GMAT3) estrearam nesta terça-feira (13) com ganhos. Às 10h20 (horário de Brasília), os papéis GMAT3 registravam alta de 2,56%, a R$ 9,20.

A companhia realizou abertura de capital (IPO, na sigla em inglês) na última semana, com captação de R$ 4,63 bilhões, o maior IPO de 2020 até agora.

A ação saiu a R$ 8,97, piso da faixa indicativa de preço. Além do lote principal, a companhia também colocou no mercado cerca de 75% do lote adicional.

São coordenadores da abertura de capital da rede maranhense: XP Investimentos, Bradesco BBI, BTG, Itaú BBA, BB Investimentos, Santander e Safra.

O Grupo Mateus é o quarto maior atacarejo do País, hoje com 137 lojas no Maranhão, Pará e Piauí. Ilson Mateus construiu a rede que hoje emprega mais de 20 mil pessoas do zero, começando com uma pequena mercearia.

O negócio foi crescendo até atingir quase R$ 10 bilhões de faturamento, em 2019. Apesar da atuação regionalmente restrita, a companhia está atrás do Assaí (do GPA), Atacadão (do Carrefour) e do grupo chileno Censosud no nicho de atacarejos.

Antes de começar a trajetória de varejista, o fundador do Grupo atuou por cerca de um ano como garimpeiro. Depois de deixar o local sem encontrar ouro, ele começou outro negócio: a compra e venda de garrafas de vidro. Foi assim que ele chegou a Balsas, no sul do Maranhão, onde percebeu que havia demanda de migrantes do Rio Grande do Sul – que chegaram à área para plantar soja – por produtos básicos.

Follow-on da Natura &Co

Já as ações da Natura &Co (NTCO3) registram leve alta nesta sessão em que os novos papéis da companhia são negociados. A companhia movimentou cerca de R$ 5,6 bilhões em follow on (oferta de ações secundária).

O objetivo da oferta de ações foi obter recursos para reduzir o endividamento em dólar, reduzindo os efeitos da volatilidade da taxa de câmbio e dos juros altos. E também acelerar o crescimento da empresa nos próximos três anos. A empresa afirma que pretende digitalizar suas vendas, expandir suas atividades pelo mundo, desenvolver embalagens e utilizar matérias-primas mais sustentáveis, e diversificar sua força de trabalho.

Por InfoMoney

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *