A pesquisa mostra que o coronavírus pode causar disfunção endotelial generalizada em sistemas orgânicos além dos pulmões e rins. (Crédito: Reprodução/Unsplash)

A Covid-19 pode permanecer no pênis dos homens por seis meses após a infecção e aumentar o risco de impotência, alertaram os especialistas. Isso é conhecido como disfunção endotelial, condição em que o revestimento dos pequenos vasos sanguíneos não consegue realizar todas as suas funções normalmente.

O vírus é conhecido por atacar os pulmões como resultado do estreitamento dos vasos sanguíneos. Especialistas da Universidade de Miami afirmam agora que os danos vão além dos pulmões. O autor do estudo Ranjith Ramasamy, MD, professor associado e diretor do Programa de Urologia Reprodutiva da Escola Miller disse que a pesquisa mostra que o coronavírus pode causar disfunção endotelial generalizada em sistemas orgânicos além dos pulmões e rins.

Segundo o estudo, a disfunção endotelial que ocorre por causa do coronavírus pode entrar nas células endoteliais e afetar muitos órgãos, incluindo o pênis. Os especialistas analisaram o tecido de homens com histórico de Covid-19 e homens que não tinham o vírus.

Por: Istoé

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *