O corpo da modelo Lourrayne Damires Ribeiro, de 19 anos, que estava desaparecida desde o dia 12 de dezembro, foi encontrado em estado de decomposição, na manhã de domingo, 20, na BR-230, próximo ao distrito de Café do Vento, em João Pessoa. O suspeito do crime, que é ex-namorado da vítima, foi preso na Bahia.

Keneddy Ramon Alves Linhares, 32, que estava em fuga, foi levado à delegacia, o suspeito confessou o crime e o local que teria abandonado o corpo da modelo. Segundo ele, o crime aconteceu após uma briga entre os dois.

De acordo com a Polícia Civil, o corpo de Lorrayne foi encontrado com o auxílio do Corpo de Bombeiros, às margens do Rio Paraíba, em um matagal. A polícia ainda informou que a modelo foi morta no final de semana passado, em um imóvel da família de Keneddy, na cidade de Lucena, por estrangulamento.

Desaparecida 

A modelo estava desaparecida desde o dia 12, quando desembarcou no aeroporto Castro Pinto, na Grande João Pessoa, após vir de Brasília,onde realizou um procedimento cirúrgico.

A mãe de Lorrayne informou que ela mandou uma mensagem instantes após sair da aeronave. A moça teria informado que iria dormir na capital paraibana e no dia seguinte viajaria para Campina Grande, no Agreste do estado. Mas a jovem não chegou ao destino e nem deu notícias.

Fonte: Metropoles/ Portal T5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *