O dia da ‘profecia’ de 30 de março, chegou. O dia que o “anjo da morte” ceifaria vidas, segundo o pastor Ezequias Silva, da Igreja Assembleia de Deus Belém do Pará na Penha, em São Paulo.

Ele disse que teve revelação divina, ao ver o “anjo da morte” ceifando vidas que saírem de casa no dia nesta terça-feira (30).

No vídeo na qual o religioso recomenda que as pessoas unjam seus lares e façam jejum, viralizou. Ele também pede que os ouvintes evitem sair de casa na madrugada porque muitos vão morrer.

A forte chuva no início da madrugada de hoje, em Tailândia, acompanhada de intensos relâmpagos deixou muita gente aflita e com medo da profecia se concretizar.

Afinal de contas, o que tem nesse dia 30 de tão tenebroso? A resposta é: nada. O dia 30 é, para os cristãos católicos, o terceiro dia da semana santa. Um período que antecede a morte de Cristo, mas também a ressureição de Jesus, celebrado na Páscoa Cristã.

No YouTube, Renato Vargens, pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói (RJ), rebateu as declarações do religioso de São Paulo.

– Essa profecia trouxe pânico a muita gente. A pergunta é: será que procede isso? Será que Deus agiria através de um anjo da morte que viria para trazer juízo sobre a humanidade, de uma forma significativa, no dia 30 de março? Você não deve dar ouvidos aos profetas da tragédia e tampouco àqueles que tentam de alguma forma atemorizar as pessoas. Nós devemos ser guiados pelas Escrituras. A palavra de Deus é lâmpada para os nossos pés e ela tem nos dito o entendimento daquilo que aconteceria nos últimos dias.

Ele defendeu que as pessoas devem fundamentar a fé na Palavra de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *