O Ministério da Educação já tem um titular para substituir Abraham Weintraub. Trata-se de Carlos Alberto Decotelli da Silva. Ele foi nomeado nesta quinta-feira, (25), pelo presidente Jair Bolsonaro. A escolha foi anunciada pelo presidente em sua página no Facebook.

Carlos Alberto Decotelli foi presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) entre dezembro de 2018 e agosto de 2019, segundo informa o currículo Lattes do novo ministro. Decotelli é  o terceiro ministro a comandar o MEC desde o início do governo Bolsonaro.

De acordo com Bolsonaro, Decotelli é bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), mestre pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), doutor pela Universidade de Rosário, na Argentina, e pós-doutor pela Universidade de Wuppertal, na Alemanha.

Segundo informações oficiais, Decotelli atuou durante toda a transição de governo após a eleição de Bolsonaro, em 2018, e ajudou a definir ideias e novas estratégias para as políticas educacionais da atual gestão. Financista, autor de livros e professor, Decotelli passou ainda passou pelas Forças Armadas como professor, e atualmente é oficial da reserva da Marinha.

A nomeação ainda não saiu no Diário Oficial da União (DOU).

Por: Agência Brasil


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *