O pai foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos (Reprodução)

Um menino de apenas dois meses morreu após ser atingido por um aparelho de celular que o pai teria jogado contra a esposa, mãe da criança. O caso aconteceu em Valparaíso de Goiás (GO), na quinta-feira (29). Levado ao hospital do município de Santa Maria, o bebê ficou internado e morreu no sábado (1).

O pai foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos e afirmou que tinha discutido com a esposa e colocado o filho em um bebê conforto ao lado dela. Ao encontrar uma mensagem que não gostou no celular da mulher, arremessou o aparelho na direção dela. “Ele disse que lançou o aparelho com intenção de quebrar, mas acabou lançando na criança e resultando na tragédia”, afirmou a delegada responsável pelo caso, Samya Barros.

Os pais da crianças alegaram ter esquecido o celular em um carro de aplicativo. O telefone foi recuperado e será periciado. O motorista do veículo também foi ouvido pela polícia. “Ele confirmou que ouviu os dois discutindo, não ouviu a informação de que o bebê estava dormindo no bebê conforto, mas que eles estavam discutindo e ele lançou o celular e atingiu a criança”, explicou a delegada.

Como prestou socorro à criança imediatamente e esclarecimentos à polícia, o pai responde em liberdade, mas é investigado por lesão corporal seguida de morte.

Por: Portal UOL

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *