Raul marca para o Papão aos 43′ do segundo tempo, colocando o time à frente e dando título do 1º turno ao bicolor.

rexpa-portal-tailandia

Remo e Paysandu fizeram um jogo bastante equilibrado (Foto: Gustavo Pêna/GLOBOESPORTE.COM)

Com um gol de Raul, aos 42 minutos do segundo tempo, o Paysandu se sagrou campeão da Taça Cidade de Belém neste domingo, no Mangueirão, ao derrotar o rival Remo por 2 a 1. O jogador também marcado o primeiro gol e Leandro Cearense descontou para o time azulino.

Garantido na final, o Paysandu espera o vencedor da Taça Cidade do Pará para decidir o título estadual. Caso também conquiste essa taça será declarado campeão diretamente.

“Esse time é guerreiro. Preciso parabenizar a torcida porque ela acreditou no título até o fim. Mesmo não tendo jogado os 90 minutos de nenhuma partida, a minha presença motivou o restante do time”, resumiu o experiente Iarley.
Precisando da vitória para conseguir ser campeão da Taça Cidade de Belém, o Paysandu iniciou a partida melhor em campo e criou as melhores oportunidades. O gol, no entanto, só foi sair, aos 30, com Raul. O Remo pareceu não sentir a desvantagem parcial e acabou chegando ao empate, aos 40, com Leandro Cearense.

O técnico Lecheva optou por uma postura mais ofensiva no segundo tempo ao sacar Vanderson e Djalma para colocar Alex Gaibú e Wellington, respectivamente.

A partida era muito equilibrada porque as duas equipes iniciaram a etapa dispostas a agredir o adversário. Como o resultado era favorável, o Remo passou a esperar o Paysandu em seu campo pensando em buscar um contra-ataque a partir da marca dos 20 minutos.

O jogo caminhava para terminar empatado quando Raul acabou deixando sua marca pela segunda vez no confronto, aos 42 minutos, para dar o título da Taça Cidade de Belém para o Paysandu.

 

INFORMAÇÕES DO JOGO

GOLS: Raul (PAY) – 29min do 1º tempo | Leandro Cearense (REM) – 39min do 1º tempo.

CARTÕES AMARELOS:  Ricardo Capanema e Alex Gaibú (PAY) | Gerônimo, Jhonnatan, Berg, Val Barreto e Carlinho Rech (REM)

LOCAL: Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, em Belém.

ÁRBITRO: Ricardo Marques Ribeiro (MG) – FIFA

ASSISTENTES: Altermir Hausmann (RS) e Marcelo Van Gasse (SP).

 

 

Com informações UOL.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *