Roberto Assis garante que nunca chegou a acordo com o Palmeiras; vice diz que Verdão considerava o negócio fechado (Foto: reprodução Rede Globo)

Empresário de Ronaldinho Gaúcho desmente vice-presidente do Verdão e diz que nunca existiu um acerto entre as partes. Clube esperava anunciar meia em festa.

Roberto Assis garante que nunca chegou a acordo com o Palmeiras; vice diz que Verdão considerava o negócio fechado  (Foto: reprodução Rede Globo)
Roberto Assis garante que nunca chegou a acordo com o Palmeiras; vice diz que Verdão considerava o negócio fechado (Foto: reprodução Rede Globo)

Palmeiras e Roberto Assis, irmão e empresário de Ronaldinho Gaúcho, têm versões absolutamente divergentes sobre o motivo de a negociação para transferência do meia para o Verdão não ter dado certo. Por volta das 18h desta terça-feira, surgiu a informação de que o clube havia entrado em acordo com o jogador, pago a taxa de transferência e anunciaria a contratação no banquete de Centenário, realizado em uma casa noturna de São Paulo.

Minutos depois, o Palmeiras anunciou que a negociação havia sido abortada. Por que não deu certo? Segundo o vice-presidente do Verdão, Mauricio Precivalle Galiotte, por culpa de Assis.

– Tudo o que foi pedido, o Palmeiras aceitou. Houve um consenso em todos os pontos solicitados. Durante o dia, a negociação estava fechada, tudo ok. Inclusive a documentação. Mas então recebemos a notícia de que o Assis tinha estressado. Se eles se estressaram antes de o atleta chegar, está encerrado o negócio – afirmou.

Já o representante do jogador garante que não houve estresse e que em nenhum momento chegou a um acordo com o Palmeiras.

– Nunca houve um acordo. Isso não existe. Alguns negócios dão certo, outros não. Esse não deu. Paciência – afirmou Assis.

O agente se recusou a dar detalhes sobre como foram as conversas com o Palmeiras. Ele disse que Ronaldinho está tranquilo e que deverá jogar no exterior.

– Tem algumas possibilidades de fora do país. Ele tem na cabeça dele o que quer. Mas o mais importante é que está tranquilo.

*Alexandre Lozetti, Felipe Zito e Marcelo Hazan | Globo Esporte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.