Eduardo Bolsonaro declara que “se esquerda radicalizar”, resposta “pode ser via um novo AI-5

Ato Institucional nº5 (AI-5) foi o mais duro da ditadura militar ao revogar direitos fundamentais.